miko @ 19:31

Qua, 15/04/09

Ah porra! Depois do último post ter sido dedicado ao primeiro aniversário do blog e por isso à comemoração dos meus dias maus, nada como continuar a tradição e vir com conversa de merda mais uma vez não é?

Ora pois então, diz que ando numa fase menos boa, má, chata, de merda, como quiserem. A verdade é que ando lixada com a vida. Vou à faculdade, não tenho aulas. Quero sair, não tenho dinheiro. Quero aproveitar o tempo, começa a chover. Isto dá uma vontade louca em acordar de manhã cedo não?
Os profs na minha faculdade decidiram que seria bom no 2º semestre faltarem assim esporadicamente. Acontece que esse esporadicamente dá em média 4 aulas por semana, o que em termos de motivação não está a ajudar muito. As cadeiras, por si só, são uma cagada, a juntar à falta de aulas hmmmmm fico sem saber o que estudar para as frequências que são já daqui a hmmmm mês e meio quase dois? Estou um bocadinho (pequenino sabem) preocupada em saber o que é que poderá sair nas frequências ou se por faltarem tantas vezes e não cumprirem os programas os profs se vão lembrar TODOS AO MESMO TEMPO de marcar aulinhas extra para podermos ter matéria. Nem sei se isso será legal: dar matéria para frequência fora do horário curricular??!?!?!? Hmmmmm não me cheira meus amigos. Perguntem-me antes quantos cigarros já fumei e quantas horas da minha já desperdicei nestas merdices do "tem aula", "não tem aula".

Aiii como eu já tinha saudades de um post malcriado, asneirento e rezingão... Pffffffffff




miko @ 12:37

Dom, 01/02/09

...que nos levam a tirar certas conclusões:

 

Combinámos uma batalha de Singstar em casa do Xi. Combinámos que eles iam tomar café à tarde (eu não ia porque tinha de estudar) e passariam aqui para me levarem. Combinámos que por volta das 20h me diziam qualquer coisa. NÃO COMBINÁMOS é que teria de ser eu a ligar às 21h para me dizerem que tinham combinado ir jantar a um sítio qualquer e só lá para as 21.30 (vá, 22 que já os conheço) é que me vinham buscar.

 

Ou eu sou muito parva ou então estou mesmo alterada porque quando desliguei o telefone desatei a chorar, vesti o pijama e mandei mensagem a dizer que já não ia a lado nenhum. Estarei muito repetitiva com estas histórias de merda?? Se estou digam... Nem o Apêndice tem paciência para me ouvir. Às vezes parece que não me conhece minimamente.


sinto-me: mal
conteúdo explícito: , , , , ,


miko @ 16:13

Sab, 31/01/09

Só porque não estou a conseguir ser tolerante...

 

 

"Tragam-me uma tablete de chocolate"

 

(pleaaasseeeeeeeee)

 

 

Ps.: Hummm gosto tanto quando o ambiente entre mim e o Apêndice fica sequinho. Depois de me ter dito que eu estava de trombas por estar a sentir-me à parte, e depois de se rir de mim por ter ficado mesmo na foça (que engraçado não é?) diz-me que só estava a tentar animar-me. Boa! Animações dessas dispenso.

 

Dialogue between me and my brain:
me: "Isto já sei."
brain: "Se calhar...deixa lá ver..."
me: "Sei, sei!"
brain: "Mas e se sai na Frequência, será que sei?"
me: "Se calhar é melhor ver outra vez..."
brain: "Mas eu sei isto...
heart: "Eu vou conseguir passar a tudo"
me and my brain: "Vai-te foder!"

 


sinto-me: frustrated


miko @ 20:32

Sex, 30/01/09

São as frequências a chegar, é o Apêndice que vai fazer anos e lamenta-se por eu não poder ir, e como eu não me sentia mal o suficiente, veio isto:

Conversa entre moi e best

(ontem)
moi-"Amanhã 'bora tomar um cafézinho à noite para desanuviar a cabeça?"
best-"Não sei, logo se vê..."
moi-"Ok..."
fodida!!!!!!
(hoje, tipo há 5 minutos)
best-"Olá, olha nós ainda não sabemos o que vamos fazer, estou aqui em casa do Xi depois vamos ter com o X. e depois não sei, devemos ir ter com o B. a um sítio qualquer. Queres vir?"
moi-"Não, a esta hora já não vou a lado nenhum..."
best-"São 20h.."
moi-"E eu não jantei e já estou de pijama..."
best-"Então e amanhã?"
moi-"Não sei, tenho de estudar"
best-"Olha ontem fomos sair e blablabla blablabla blablabla whiskas saquetas"

 

Estarei um bocado posta de parte????


conteúdo explícito: , , , , ,


miko @ 14:40

Qua, 14/01/09

Sabem quando alguma coisa não está bem e vocês não sabem o que é?
E toda a gente vos diz "Estás com uma cara!" ou "Que se passa?" e vocês só dizem "Pois..." e não acrescentam mais nada porque não há mais nada para acrescentar, porque não sabem o que têm, nem porque têm, nem sabem explicar como se sentem?
Pronto, basicamente é assim que eu ando!

Ataques de pânico e crises de ansiedade: uma coisa que já não tinha há muito e que na Segunda Feira me surpreendeu. É verdade!

 

E mais uma coisa:
Sabem quando estão assim e a pessoa que mais querem que esteja convosco está sempre não-sei-onde, ocupada a fazer não-sei-o-quê? It sucks!

Como é que se diz a alguém que se ama, que se precisa de amor? Como é que se diz "Não estás a fazer o teu trabalho" sem a magoarmos? Se calhar não se diz.É!


sinto-me: ironic question
conteúdo explícito: , , , , , ,


miko @ 15:14

Qui, 04/12/08

Tenho 15 páginas de apontamentos para passar a limpo até amanhã.

Fora os livros todos que tenho de ler... Hummm estou a ficar um bocado maluca vá.

 


sinto-me: como o raio do coelho


miko @ 20:31

Dom, 23/11/08

Desde já as minhas desculpas pela ausência este fim-de-semana mas pelo que se segue vão perceber o porquê da minha pessoa não ter conseguido postar.

Na noite de Sábado para Domingo realizou-se o X S. Vicente, festival de tunas, na Aula Magna, e claro que eu, futura pandeireta não queria perder isto por nada. Apesar de a minha fabulástica tuna não ir actuar, queria ver a Vicentuna, a TAL, a Estudantina e a TAISCTE. Arranjei companhia, a S. Íamos as duas malucas para a Aula Magna, e depois quem sabe talvez Bairro Alto, por aí, e dormia em casa dela. Até aqui tudo bem: saio do curso a correr, meto-me no comboio, apanho o autocarro, chego a casa, tomo banho, visto-me e volto a sair.

O Festival acabou precisamente às 02.00 da manhã, hora a que fecha o Bairro Alto, logo ficámos sem sítio para onde ir. Apanhámos um daqueles autocarros da rede da madrugada para o Cais do Sodré, embora fosse demasiado cedo para apanharmos o comboio das 04.30. Depois de entrar num bar cheio de bêbados saímos passados 30 segundos devido ao cenário demasiado degradante. vai daí encontrámos um prédio jeitoso com a porta aberta. entrámos e abancámo-nos no hall. Fumámos os nossos cigarros, arroxámos durante uns minutos e pasada uma eternidade a hora do comboio finalmente tinha chegado.

Chegámos a casa precisamente as 05.30. Concluindo, dormi 2 horas e 30 minutos. O pior foi hoje de manhã quando acordamos e a S. lembra-se de ter um ataque qualquer à minha frente. Desmaiou, começou com convulsões e eu completamente atarantada, a ver a rapariga a ficar roxa sem a conseguir reanimar. Mas vá lá, acordou ficou bem. Mas não ganhei para o susto.

Agora chego a casa depois de mais um dia agitado e o Apêndice lembra-se de me mandar isto:

"Precisamos de falar..."


sinto-me: baaahhhhh


miko @ 18:25

Ter, 18/11/08

E se ontem estava aqui toda lamechas a contar a minha pseudo história de amor com o Apêndice, hoje estou capaz de o matar!
Depois de ter ido ao CMRA (Centro Médico de Reabilitação de Alcoitão) visitar o serviço onde tinha estado a fazer voluntariado, ligo-lhe pronta para contar as novidades todas:
"Olá meu amor"
"Olá"
"Que estás a fazer?"
"Estou a arranjar uns bilhetes para nós..."
"Bilhetes para quê?"
"Para os Soulfly em Fevereiro e em Março" - nota-se que ele está cansado de saber que Fevereiro vai ser o meu mês de enterro com frequências e exames tudo juntinho.
"Em Fevereiro? Mas eu em Fevereiro não vou sair de casa sequer, já sabes que tenho as frequências todas..."
"Ah então vou com o R!"
"..."
"Mas não vais sair de casa? Então eu não vou poder ficar aí pois não?"

OLHA QUE GRANDE PUTA DE LATA

 

Claro está que o resultado (ainda a decorrer neste momento) : Discussão


sinto-me: fula
conteúdo explícito: , , , , , ,


miko @ 20:01

Sab, 15/11/08

Não sei porquê, que mal fiz eu, mas ultimamente tenho sido vítima de violência. Isto porque:
Descobri que as pandeiretas são um instrumento extremamente violento, transformam as nossas pernas em nódoas negras gigantes e dão cabo da cabeça do fémur.
Para quem conhece Lisboa sabe que subir a calçada da Boa-Hora tem qualquer coisa de violento, ainda por cima se for de manhã e o ar vos cortar os pulmões e não conseguirem respirar.
Acho que ter a faculdade durante a semana, acordar todos os dias às 6h da manhã, mais ter de acordar às 7.30 aos fins-de-semana para ter de ir para o curso de Monitores vai resultar numa grande desorganização (violenta) na minha vida.

O que não é nada violento são os vossos comentários que, por acaso, são bem simpáticos, pelo menos têm sido ainda não me apareceu nenhum Nuno Maia outra vez, o que estou a tranhar. De qualquer das maneiras viso aqui que vou TENTAR responder a todos e visitar aqueles que deixaram o endereço. o TENTAR é mesmo TENTAR porque como já se devem ter apercebido, a minha vida está um caos virado do avesso e de pernas para o ar. Gabo-vos a paxorra sinceramente! Ihihih

Já agora, em resposta à pergunta da Helena, estou a tirar Serviço Social.

Toodles


sinto-me: arrasada
conteúdo explícito: , , , , ,


miko @ 19:35

Qua, 12/11/08

Estou com quilos de merdas para fazer e não sei para onde me virar. Ele é trabalhos para a faculdade, ele é estudar, ou ler livros como quiserem, ele é aulas de condução, ele é ensaios da Tuna, ele é Cursos ao fim-de-semana... Estou a ficar malucaaaaaa!

Calma só estou no início, isto ainda vai ficar mais fodido e portanto é melhor começar a ganhar já anticorpos. Mas sinceramente no meio de tanta coisa vou-me foder. Ontem esqueci-me de comer! Isto porque passei 40 minutos na reprografia para conseguir encadernar umas fotocópias. Conclusão: cheguei à aula e as pessoas conseguiam ouvir o meu estômago a comer-se a ele próprio.

Outro ponto: já comecei as aulas de condução não, não matei ninguém, não atropelei ninguém, não matei nenhum cão (quase, o cabrão pôs se à frente a olhar para mim com ar de gozo), não bati em nenhum carro estacionado (dos milhentos que se encontravam por ali), não fui contra nenhum poste nem nenhuma árvore. Apenas subi um passeio, nada grave.

Mais um ponto: o apêndice não está bem, diz que está farto da faculdade e que as pessoas são uma merda lá. Os profs estão-se a cagar e aquilo é uma cambada de fúteis. Não sei mais o que dizer para que ele tente ultrapassar a coisa, ainda por cima o rapaz é teimoso como as mulas (como eu). Que faço? E agora só estamos juntos dia 19 de Dezembro...

 

Hoje encontrei um amigo no autocarro que me disse: "Ando a tentar arranjar uma namorada mas estou farto de gajas todas iguais. Preciso de uma gaja diferente e com atitude.  Por acaso não queres namorar comigo não?" Achei piada e até lhe disse "Ya o que eu tenho mais é atitude yô. Mas está descansado que vou investigar isso."
Moças diferentes e com atitude deixem aí o vosso contacto!

 

Maria adonde achas tu que me viste?



miko's

 

Porque não tenho de estar sempre bonita, jeitosa, radiante e sorridente.
Não tenho jeito para essas coisas!

 

miko & apêndice
Daisypath Anniversary Years Ticker
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30



myspace web counter
Help!
Save Miguel

blogs SAPO